20 de abril de 2008

Caso Isabella

Não dá para não comentar o caso da menina Isabella - assassinada no dia 29 de março - principalmente pelas personagens envolvidas no trágico acontecimento : seu pai e sua madrastra. O que indigna e choca a todos é o fato de que um dos códigos da sociedade dita “humana e civilizada” foi quebrado: os progenitores devem proteger os seus rebentos e não serem os seus algozes.
Por um outro lado há a mídia sensacionalista, que tenta transformar a barbárie numa novela de sucesso do horário nobre, quase que induzindo populares a permanecerem acampados em frente à delegacia - onde os depoimentos estão sendo tomados - e à casa de familiares da vítima. Em busca de seus quinze minutos de fama, algumas pessoas se deram ao trabalho de levar um bolo para cantar parabéns pelo aniversário da menina, que estaria completando seis anos. Havia até uma senhora sorridente estendendo o seu prato por cima de outras pessoas , para não deixar de receber o seu pedaço. O ato grotesco remonta aos primórdios da humanidade , quando pessoas iam às ruas para participarem de linchamentos públicos.
Dizem até que toda essa comoção social e a exagerada cobertura da mídia são as únicas maneiras de que o brasileiro dispõe , para externar os seus sentimentos de revolta e não deixar que mais um crime fique impune. Pura hipocrisia, pois nos quatros cantos do nosso país há crianças sendo espancadas, assassinadas e violentadas diariamente e nem por isso , o povo sai às ruas caçando os culpados.
A justiça deve ser feita pelos órgãos competentes. Nós somos apenas os indignados e devemos ficar em nossos lugares aguardando o fim deste triste episódio.

No G1 , a cronologia do caso.

Seja o primeiro a comentar!

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Selos

Os mais comentados

Widget UsuárioCompulsivo

Top Comentaristas

Widget UsuárioCompulsivo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©PAPOeCIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo