25 de outubro de 2008

A máquina da beleza

A nossa Gisele Bündchen antes e depois de submetida ao programa de computador. Ela ficou ainda mais bonita? O que você acha?
Desde que me conheço por gente ouço aquele velho chavão de que “o que vale é a beleza interior”, pois com a beleza física o tempo é implacável. Vinícius de Moraes, célebre opositor dessa idéia, afirmou sem medo de ser contestado o contrário: “que me desculpem as feias, mas beleza é fundamental”.
Mal sabia o “poetinha” que sua frase se tornaria uma obsessão entre as mulheres no século XXI, influenciadas, é claro, pela bilionária indústria da beleza.
O que cientistas israelenses acabam de divulgar vai mais além, a beleza perfeita pode ser atingida com um simples retoque na simetria do rosto, através de um programa de computador. Não se trata do velho e conhecido photoshop, mas de um software que interpreta a beleza de uma mulher e realiza apenas mudanças sutis, na maioria dos rostos, sem mudar a essência da pessoa. O objetivo era superar o desafio de alterar um rosto de acordo com padrões aceitos de beleza, mantendo-o completamente reconhecível, ao contrário do que pode acontecer com o uso de cirurgia cosmética ou retoques digitais.
Os pesquisadores ressaltam, ainda, que a pesquisa não é apenas uma questão de vaidade, pois o programa pode ser muito útil em cirurgias plásticas reconstrutivas ou no reconhecimento de rostos.

Até que ponto a medida pode ser quantificada? Uma definição supostamente científica reflete apenas os ideais do momento, construídos com imagens da cultura pop e da mídia? Perguntas como estas já estão sendo feitas por psicólogos, filósofos e feministas contrários à idéia de se padronizar a beleza.
Depois de observar as fotos de participantes anônimos no estudo, um professor de história na Universidade do Sul da Califórnia, afirmou que os rostos originais lhe pareciam mais atraentes. "A beleza irregular é a verdadeira beleza", ele disse, acrescentando que essas tentativas de medir beleza são movidas pela mesmice cultural, em um esforço por fazer com que todas as pessoas se pareçam, no que eu concordo totalmente.

Outra informações sobre o assunto, clique nos links:
Software produz imagem do você ideal
Programa promete deixar pessoas mais bonitas

Continue lendo >>

21 de outubro de 2008

A escolha da escola

É a partir do mês de outubro que muitos pais dão início a uma verdadeira maratona em busca da escola ideal para os seus filhos.
Muitas famílias, mesmo não dispondo de uma renda familiar adequada, preferem fazer um enorme sacrifício e matricular os seus filhos numa escola particular, do que numa escola pública, geralmente de péssima qualidade. Mas, há escolas da rede privada que também deixam muito a desejar. Por esse motivo, vale a pena ter em mente quais são os principais fatores apontados por especialistas que devem ser levados em conta, no momento de se tomar uma decisão tão importante como essa. Afinal, uma educação de qualidade é um investimento para a vida toda.
Segundo os pedagogos, uma boa escola é aquela que se preocupa com o aluno em todos os seus aspectos: físico, cognitivo, afetivo e social.
Além disso, é importante que no momento da escolha os pais levem em consideração o tipo de formação intelectual e moral que pretendem dar aos seus filhos, para que não ocorram conflitos entre a educação familiar e a orientação dada pela escola.
Pensando nos amigos e familiares que estão nesse dilema, pesquisei alguns sites na Internet que tratam do assunto. Confira, clicando nos links abaixo:

Continue lendo >>

18 de outubro de 2008

Horário de Verão

O horário brasileiro de verão (2008-2009) começa hoje, 18 de outubro, às 24h. Os relógios deverão ser adiantados em uma hora e devem ficar assim até às 24 horas do dia 15 de fevereiro de 2009 nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.(Veja no mapa)


A implantação do Horário de Verão tem como principal objetivo a redução do consumo de energia nos horários de pico de carga, no Sistema Elétrico Nacional (SNI). A conjunção de fatores como a mudança no comportamento dos consumidores e o término do expediente de trabalho mais cedo, ainda com luz natural, associado ao retardo do início da iluminação pública, reduz o consumo de energia elétrica.
O aumento de consumo nessa época é resultado, sobretudo, do incremento da produção industrial, face às encomendas de Natal, e ao aumento da temperatura com a chegada do verão.
A mudança de horário no período do verão é um recurso adotado por diversos países do Hemisfério Norte (de março a outubro) e do Hemisfério Sul (outubro a março). Entre eles estão grande parte da Europa, os Estados Unidos, Rússia, Austrália, Nova Zelândia, Chile, Paraguai e Uruguai. (Fonte: Portal Terra)

Eu até entendo as justificativas para a mudança de horário nesta época do ano. Quem não entende é o meu relógio biológico. Nos primeiros três dias do novo horário “ele” fica desvairado. Sofro com a insônia, falta de apetite e passo o dia todo meio fora do ar. Ainda bem que não estou sozinha nessa lamúria, pois 46% dos brasileiros ficam tão incomodados quanto eu (leia aqui).
A minha sorte é que adoro esta época do ano, a começar pela primavera. Não sei precisar o que me motiva mais: o fim do inverno, a proximidade das festas de final de ano, as férias que estão chegando ou as perspectivas para o próximo ano.

Continue lendo >>

15 de outubro de 2008

15 de outubro - Dia do Mestre

Querido Mestre

Trago-te um recado de muita gente.
Houve gente que praticou uma boa ação,
Manda dizer-te que foi porque
Teu exemplo convenceu.
Houve alguém que venceu na vida,
E manda dizer-te que foi porque
Tuas lições permaneceram.
E houve mais alguém que superou a dor,
E manda dizer-te que foi a lembrança
De tua coragem que ajudou.
Por isso que és importante...
O teu trabalho é o mais nobre,
De ti nasce a razão e o progresso.
A união e a harmonia de um povo!
E agora... Sorria!
Esqueça o cansaço e a preocupação,
Porque há muita gente pedindo a Deus
Para que você seja muito Feliz!
Parabéns pelo seu dia!

(Autor desconhecido)

Continue lendo >>

14 de outubro de 2008

Viagem pelo mundo





Uma amiga de longa data tem o excelente hábito de enviar aos amigos, por e-mail, mensagens de auto-ajuda, dicas de saúde e indicação de sites.
Quando eu penso que ela esgotou todo o seu repertório sou surpreendida por uma dica "imperdível".
Hoje ao abrir a minha caixa de correio eletrônico, deparei-me com a seguinte mensagem:

Compartilho o privilégio !!!!!!

REPASSANDO ...

Isto é uma preciosidade!
espere todas as bandeiras abrirem e
quase todos os países do mundo
estarão à sua frente, e você poderá se
distrair durante horas seguidas.

Basta clicar no país de sua preferência,
virá o mapa deste país com luzes que
piscam.Clique numa destas luzes e em
seguida verá o lugar desejado, com
várias fotos.

Vai se distrair muito e conhecer
lugares lindos.
Clique aqui, e...
Boa Viagem!

Realmente, desta vez, a minha amiga se superou! Confira
!
Em tempo: o link do site já foi devidamente inserido na seção “Eu recomendo” do Papo&Cia. Imagine se eu iria perder essa dica preciosa!

Continue lendo >>

12 de outubro de 2008

Comemorando o dia do não

Que os comportamentos humanos estão mudando, ninguém dúvida, mas festejar o divórcio é o cúmulo da extravagância. Pois essa excentricidade é a nova febre dos americanos.(leia aqui)
As empresas especializadas nesse tipo de serviço oferecem desde strippers até luta livre na lama. O "novo solteiro" pode escolher, dentre as diversas brincadeiras, atirar dardos contra a foto da ex. Tem até bolo temático.
A empresária do setor, Milwaukee, tem uma resposta pronta quando indagada sobre o objetivo desse tipo de comemoração: ”as festas não servem para comemorar a separação, mas uma ocasião para reunir amigos e buscar apoio em momentos difíceis".


Eu particularmente acho ridículo esse tipo de comemoração. Coisa de pessoas imaturas. Vai ver que é por isso que o casamento acabou.
E os filhos, onde ficam nessa historinha infantil ? Será que participam também? Deve ser “lindo” a criança assistir ao “papai” atirando dardos na foto da “mamãe”.
Eu só espero que os descasados não façam uma única festa, com direito à familiares e amigos dos dois, pois com certeza terminaria em batalha campal.

Continue lendo >>

11 de outubro de 2008

Crise? Que crise?

O governo brasileiro precisa urgentemente se decidir, do contrário vou ter de marcar uma consulta com uma mãe de santo ou com um psiquiatra, pois eu devo estar tendo alucinações. Será que uma visita à Igreja dos Capuchinhos resolveria?
Num dia o presidente brasileiro afirma que a crise financeira mundial não atingirá o Brasil:
“Lá nos EUA, ela é um tsunami; aqui, se ela chegar, vai chegar uma marolinha que não dá nem para esquiar”.
Dias depois a “marolinha” se tornou a pior crise mundial, segundo o ministro da Fazenda:
"É talvez a maior crise desde 1929 e não vai terminar tão cedo”.
Hoje pela manhã, o presidente solicitou ao brasileiro que continuasse a consumir, pois a economia brasileira está sólida e devidamente blindada contra crises financeiras. Disse ainda que o Natal será extraordinário.
“Precisamos nos preparar para a gente comprar tudo o que a gente sonha comprar no Natal e torcer para o Ano Novo ser infinitamente melhor “.
Hoje a tarde pediu a população brasileira que consuma somente o necessário:
“Ninguém precisa deixar de comprar, mas compre somente o necessário, o que o salário permite” .
E quanto as nossas reservas?
Algumas semanas atrás os 207 bilhões de reservas brasileiras eram mais do que o suficiente para fazer frente a uma eventual crise:
“O Brasil tem uma balança comercial diversificada, não deve mais ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e tem US$ 207 bilhões de reservas "sagradas", para não permitir especulação imobiliária e financeira. Um "espirro" na economia americana há dez anos causaria uma "pneumonia" no Brasil”.
Hoje ele já pensa em fazer empréstimos no exterior:
“ Se for preciso vou viajar o mundo para pedir empréstimo para um país que é bom pagador”.
Será que isso pega!
Pé de pato, mangalô três vezes!

Continue lendo >>

9 de outubro de 2008

O "grito" do ator Pedro Cardoso

Eu nunca poderia imaginar que um ator brasileiro tivesse a coragem de vir a público protestar contra a pornografia no cinema e na televisão brasileira (leia aqui). Pedro Cardoso fez um discurso exaltado e polêmico no lançamento do longa-metragem Todo Mundo Tem Problemas Sexuais, de Domingos de Oliveira, na noite desta quarta-feira no Festival do Rio. O ator, que também produz o filme, acusou alguns diretores brasileiros de promoverem a pornografia na televisão e no cinema, obrigando a classe artística a participar de tais cenas.
O ator Pedro Cardoso está certíssimo e foi muito feliz em suas colocações.
A programação da televisão no Brasil vem de há muito apresentando, especialmente nas novelas, uma clara apologia à sensualidade barata, à imoralidade, à violência e ao desrespeito à instituição família.
É claro que ninguém pode deixar de perceber que a sociedade como um todo mudou e que muitos tabus deixaram de existir, mas é inadmissível que sejam permitidas cenas de sexo implícito em horário impróprio para menores.
Negar que a tv influencia o comportamento do telespectador, principalmente o das crianças e adolescentes, é não querer enxergar o óbvio, mesmo porque as empresas televisivas sobrevivem graças à publicidade de outras empresas que desejam a todo custo amealhar consumidores para os seus produtos.
O “grito” , como o do ator Pedro Cardoso, deveria vir das famílias interessadas em proteger os seus filhos da influência negativa de programas e novelas cujo objetivo é escandalizar – visando a audiência - , mas infelizmente a sociedade brasileira ainda é pouco participativa e não dispõe de meios para fazer valer os seus direitos.
Quem sabe num futuro próximo possamos reverter essa situação.

Outras informações sobre Censura Ética e Moral na TV , clique aqui.

Continue lendo >>

8 de outubro de 2008

Comprar faz bem a saúde?

Ibope: 21% das mulheres compram para se acalmar e obter felicidade (leia aqui).

Até parece que a pesquisa do Ibope revelou uma grande novidade Desde que o mundo é mundo as mulheres reagem a uma decepção amorosa ou a uma chateação torrando dinheiro. Os homens por sua vez afogam as mágoas na bebida.
O gasto não precisa ser, necessariamente, na compra de roupas. Eu, por exemplo, quando fico “stressada”, marco logo uma horinha no cabeleireiro, mudo o visual e pronto.
A outra novidade, esta sim, tendenciosa, é a de que comprar faz bem a saúde. O estudo promovido pela Chevrolet constatou que fazer compras acompanha uma explosão de emoções positivas e uma estimulação física e mental.
Os dados divulgados pela Chevrolet são tão exagerados que fica difícil acreditar: 91% das entrevistadas disseram que preferem comprar a beijar seus parceiros. Já 85% preferem uma farra consumista a uma promoção no emprego. Além disso, 57% das mulheres disseram que se sentem mais saudáveis fisicamente depois de uma compra bem sucedida. E 44% delas acreditam que uma hora batendo perna em lojas queima tantas calorias quanto uma hora de academia.
O Dr. David Lewis, um dos neuropsicólogos do projeto, diz que a experiência de compra estimula os neurônios e libera substâncias químicas poderosas que dão uma sensação de embriaguez vertiginosa, o que leva ao funcionamento mais eficiente e saudável do corpo.
De olho no poder aquisitivo das mulheres, que deixaram de ser apenas donas de casa e disputam palmo a palmo o mercado de trabalho com os homens, nada mais apropriado como uma pesquisa, para estimular ainda mais a gastança.

Continue lendo >>

3 de outubro de 2008

Porpetone à moda da nona

“Essi non sono polpette di carne, figlia mia, sono porpetones” dizia a minha avó, indignada, quando “rebaixávamos” o seu prato italiano predileto – porpetone – à condição de simples almôndegas. E ela tinha razão.
Assim como as almôndegas, os porpetones ou porpetas levam carne moída na sua elaboração. A diferença é que os porpetones são recheados com uma espécie de salada, feita de tomates picados, cebola, mussarela e outros ingredientes ao gosto da cozinheira. Cada unidade deve ter o tamanho de dois pãezinhos franceses.
Para acompanhar o prato não há necessidade de muita sofisticação. “Una bella macarronada” e uma saladinha verde são suficientes. Afinal, não é de bom tom empanar a estrela da festa.
Para copiar a receita, clique no link: Receita de porpetone à moda da nona
Uma ótima dica para o almoço de domingo!

Continue lendo >>

2 de outubro de 2008

Urnas eletrônicas. Dá pra confiar?

As eleições municipais estão se aproximando e, como sempre acontece nessas ocasiões, já começo a me sentir desconfortável com o voto eletrônico.
Longe de mim desconfiar das urnas eletrônicas, mas depois de apertar a tecla “confirma” sempre sinto um friozinho inexplicável na barriga.
Andei pensando sobre a possibilidade da urna emitir um recibo do voto, assim como acontece nas casas lotéricas ou quando se usa o cartão de crédito. Seria a garantia de que o voto foi realmente computado para o candidato escolhido, mas descartei de imediato essa possibilidade, pois fiquei a imaginar como seria a cobrança nos currais eleitorais. O cidadão sob a mira de um “trezoitão” teria de passar o recibo, caso contrário ficaria em “maus lençóis”. Talvez seja esse o motivo da proibição pelo TRE do uso de celulares nas cabines de votação, já que muitos celulares possuem máquinas fotográficas. Ter de votar e fotografar o voto é antidemocrático, afinal o voto é secreto.
Muito mais transparentes eram as eleições à época da cédula eleitoral, pois qualquer dúvida quanto ao resultado do pleito podia-se fazer a recontagem dos votos.
O interessante é que os países de primeiro mundo ainda não se convenceram de que o nosso sistema de votação eletrônica é confiável, talvez porque sintam o mesmo friozinho na barriga que eu.
O site voto seguro põe em dúvida a segurança da urna eletrônica. Leia aqui.

Continue lendo >>

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Selos

Os mais comentados

Widget UsuárioCompulsivo

Top Comentaristas

Widget UsuárioCompulsivo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©PAPOeCIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo