25 de abril de 2009

Casas construídas na árvore

Lendo uma matéria lá na Veja Online sobre uma casa construída numa árvore, fiquei curiosa e resolvi pesquisar a respeito. Pensei, a princípio, que fosse coisa de pessoas excêntricas e endinheiradas, ávidas por novidades e esquisitices e que não fazem a menor questão de investir alguns milhares de "trocados", para fugir da rotina.
Na verdade, a idéia é bem antiga. As primeiras construções, na árvore, foram feitas para realizar um sonho de criança. Atualmente, os adeptos desse tipo de moradia buscam uma saída para fugir da agitação das grandes cidades.
Há casas simples e casas luxuosas. Casas pequenas e verdadeiras mansões. Mas, todas elas são lindas, aconchegantes e transmitem uma sensação de liberdade e de isolamento. Acompanhe:

1. Projetada pelo arquiteto Andreas Wenning, a casa fica em Osnabrück, na Alemanha. Antes de receber a construção, a árvore passou por um checkup, incluindo ultrassonografia.


2. Pensada pelos arquitetos brasileiros Fernanda Abs e Fred Benedetti, a casa abriga sala com sofá de madeira, tapete de sisal, luminárias de cobre envelhecido e cadeira de grife.


3. Desde o verão de 2008, o casal e os filhos curtem o fim de tarde nesta casinha erguida em Grob Ippener, Alemanha.


4. Localizada num bosque próximo à cidade de Nova York, Estados Unidos, a casa abriga o casal e dois filhos.


5. Inspirada nas nozes dos desenhos animados, esta casa fica em Düsseldorf, na Alemanha. Nela moram o casal e seus três filhos pequenos, que passam várias horas do dia lendo, brincando e até tirando um cochilo.


6. Construída em Eberschwang, Áustria, a casinha leva carvalho em sua estrutura, com leves intervenções de metal. Além do sistema elétrico, ela tem wireless para os moradores navegarem na Internet.


7. Construído em Osnabrück, no norte da Alemanha, este chalezinho serve aos donos como um canto de relax e de encontro com amigos.Ele foi construído no imenso e privativo jardim do casal.


8. Apostas e estudos do arquiteto Andreas Wenning, para modernas casa de árvore.


9. Mix de adulto com infantil em aglomerado de eucaliptos de grande porte no interior de São Paulo, esta casa foi escolhida para fazer parte do livro "World Tree Houses" de Peter Nelson, que será lançado em 2009.


10. A casa foi construída sobre mourões de eucalipto, na cidade de Bauru, São Paulo.


11. Casa com plataforma, localizada no interior do Paraná.


12. Esta casa foi construída no tronco de uma figueira centenária, no Paraná.


13.Avaliada em U$ 18 800, a casa fica em Minneapolis, Estados Unidos.

14. Inspirada no filme “O Retorno de Jedi”, esta casa localiza-se em Errington, British Columbia.


15. Linda casa na Escócia.


16. Restaurante na Escócia. Abriga 120 pessoas e vale, aproximadamente, U$ 5 milhões.


Deve ser o máximo viver entre pássaros e em completa sintonia com a natureza!

Continue lendo >>

18 de abril de 2009

Academia de ginástica radicaliza, para atrair novos clientes

Eu não quero nem imaginar qual seria a minha reação se, ao sentar num banco de ponto de ônibus, me deparasse com o meu peso anunciado numa placa publicitária.
Pois, foi essa a maneira encontrada pela academia Fitness First em Roterdã, Holanda, para atrair novos clientes. E o pior, não há no local nenhum aviso alertando de que há uma balança eletrônica instalada no assento do banco.


É ou não é invasão de privacidade?

Continue lendo >>

16 de abril de 2009

Anvisa divulga índice de alimentos contaminados por agrotóxicos


A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) divulgou o resultado da análise das amostras de grãos, frutas e verduras, que foram vendidos no país em 2008. Em todas as amostras foram detectados resíduos de agrotóxicos não permitidos. O produto campeão de irregularidades foi o pimentão.


A Anvisa encontrou ainda um agrotóxico proibido no Brasil desde 1985: o ometoato, usado na cultura de abacaxi.
Outro problema ligado aos agrotóxicos que tem preocupado a Anvisa é o aumento da importação de substâncias proibidas em outros países, como por exemplo, o metamidofós, usado na cultura do tomate.
Dados do Sistema Integrado de Comércio Exterior mostram que, em 2008, ano em que a China proibiu o produto, foram exportadas para o Brasil 4,2 mil toneladas. Nos dois primeiros meses de 2009, já entraram no país 4,4 mil toneladas de metamidofós.
O Ministério da Saúde e a Anvisa estão orientando a população para que se informem sobre a origem dos alimentos que compram, como também que os lavem muito bem.
Segundo Agenor Álvares, diretor da Anvisa, entre os possíveis problemas à saúde humana causados pelos agrotóxicos está o câncer. A maior parte dos casos, porém, ocorre com os trabalhadores que lidam diretamente com as substâncias.

5 dicas para reduzir os agrotóxicos dos alimentos

- Lave frutas e hortaliças, por um minuto, com uma esponja e detergente neutro;
- Tire as folhas externas das verduras, que concentram mais agrotóxicos;
- Prefira produtos com origem identificada;
- Compre, preferencialmente, alimentos da época;
- Frutas de casca fina concentram mais agrotóxico. Por isso, lave-as em água corrente com sabão, enxágue bem e depois descasque-as. Se quiser comê-las com casca, opte pelas orgânicas.

Fonte: Folha Online

Continue lendo >>

11 de abril de 2009

Corinthians, não!

Eu tenho certeza de que os corintianos fanáticos não acharam a menor graça do vídeo, que está fazendo um enorme sucesso no Youtube. Em compensação, a torcida adversária deve ter acessado o tal vídeo “trocentas” vezes. Principalmente, a torcida do Santos.




Por mim, embora corintiana roxa, Pedrinho está perdoado. Afinal, trata-se de uma criança. E criança, deve ser respeitada.

Continue lendo >>

7 de abril de 2009

Camisetas interativas

Camiseta que detecta redes Wi-Fi
Com esta camiseta o usuário pode visualizar se é possível acessar a Internet wi-fi no ambiente.



Camiseta com equalizador
O equalizador acompanha as diferentes freqüências da música.



Camiseta com bateria
A camiseta possui sete diferentes tipos de sons.

Image Hosted by ImageShack.us



Camiseta dos apaixonados
Se os pombinhos estiverem distantes um do outro, os seis corações ficam apagados. Passe o mouse sobre a imagem.





Todas as camisetas são laváveis, pois os painéis podem ser removidos.

Via: thinkgeek.com

Continue lendo >>

1 de abril de 2009

Os ovos de Páscoa mais valiosos do mundo

Os primeiros ovos de Páscoa não eram comestíveis e deliciosamente saborosos, como os atuais ovos de chocolate. Os povos antigos tinham o singelo costume de colorir ovos de galinha e presentear os amigos na época da Páscoa. Mas, esse hábito era reservado apenas aos plebeus, pois os nobres e ricos de antigamente presenteavam uns aos outros com ovos feitos de ouro, prata e pedras preciosas, como os ovos de Fabergé.
Considerados expoentes da arte joalheira e disputados, até hoje, pelos colecionadores do mundo todo, os ovos de Fabergé foram produzidos para os czares da Rússia pelo joalheiro da corte, Peter Carl Fabergé, no período de 1885 a 1917,
Quem iniciou essa tradição foi Alexander III, em 1885. A cada ano, ele encomendava um ovo ao joalheiro, como presente para a sua esposa, a Imperatriz Maria Feodorovna. Após a morte de Alexander III, seu filho Nicholas II continuou a tradição.
O objeto e a forma de cada ovo de Páscoa imperial eram únicos. Alguns celebravam temas íntimos da família; outros honravam eventos notáveis na vida do Estado Russo e da família imperial.
Ao todo foram produzidas 56 obras-primas, embora somente 10 delas tenham permanecido na Rússia.

Veja alguns dos famosos ovos de Fabergé:

1885
O primeiro dos ovos de Páscoa criados por Fabergé, deve-se a uma encomenda feita pelo Czar Alexander III para presentear sua esposa, Maria Feodorovna, em comemoração ao aniversário de vinte anos de casamento do casal.



1894
O translúcido ovo branco leitoso foi o último presente recebido pela czarina Maria Feodorovna de seu marido, que faleceria oito meses depois.



1895
Continuando a tradição estabelecida por seu pai, o ovo rúbio foi o primeiro presente de Czar Nicholas II à sua esposa Alexandra.



1897
Presente do Czar Nicholas II para czarina Alexandra Feodorovna.



1898
Inspirado na flor favorita da czarina Alexandra: lírios do vale.



1900
Presente do Czar Nicholas II para sua mãe, a viúva imperatriz Maria Feodorovna.



1911
Comemoração do 15o aniversário de ascensão do Czar Nicholas II ao trono.



Presente do Czar Nicholas II para a viúva imperatriz Maria Feodorovna na Páscoa de 1911.



1916
Comemoração da Ordem de St. George.




Viciada no alimento dos deuses – o chocolate – eu me contentaria em saborear no domingo de Páscoa ovos bem simples, como os da imagem abaixo.

Ah, sim! O pessoal aqui de casa já sabe disso.



Via: Os nove ovos imperiais

Continue lendo >>

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Selos

Os mais comentados

Widget UsuárioCompulsivo

Top Comentaristas

Widget UsuárioCompulsivo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©PAPOeCIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo