26 de novembro de 2008

A blogosfera reagiu!

Os internautas que participaram, ativamente, da área de comentários dos blogs brasileiros estão de parabéns. Foi graças à solidariedade e indignação desses internautas, quanto ao descaso com que o governo brasileiro - especialmente o Presidente da República - tratou a catástrofe ocorrida em Santa Catarina, que o mandatário do Brasil mobilizou-se em torno da ajuda às vítimas daquele estado.
A grita foi geral. Desde os primeiros momentos da tragédia, os blogueiros e seus leitores cobraram do governo brasileiro uma postura solidária, um pronunciamento ou até mesmo uma palavra de conforto aos brasileiros que perderam familiares, amigos e suas casas.
O governo brasileiro, na figura de seu dirigente máximo, havia pedido apenas e tão somente 1 minuto de silêncio, numa reunião com ministros na segunda-feira (24).
Os catarinenses não precisavam de 1 minuto de silêncio naquele momento, mas de uma ação efetiva do governo federal quanto à disponibilização de recursos, para minimizar as conseqüências da tragédia.
O que mais chocou os internautas foi o fato de que a ajuda do governo brasileiro foi imediata ao governo de Cuba, quando da passagem de um furação naquele país. Mas, os nossos conterrâneos catarinenses, infelizmente, não tiveram o mesmo tratamento. A desculpa dos assessores e ministros do presidente brasileiro veio muito tempo depois do início da tragédia e de uma forma bastante simplista, para não dizer, grotesca: o presidente brasileiro estava ocupado demais com a recepção às delegações de outros países em visita ao Brasil.
A revolta mobilizou toda a blogosfera e, com certeza, os ecos chegaram aos "ouvidos" da presidência da república, tanto é que a ministra da Casa Civil apressou-se em dar satisfações ao clamor popular.
Vale registrar que os governos do Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo e Minas Gerais viabilizaram, de imediato, ajuda ao governo de Santa Catarina.
Hoje, quarta-feira (26), o presidente brasileiro deverá ir à Santa Catarina, depois de “abrir um espaço em sua agenda”, mas deve voltar rapidamente à Brasília, para se reunir com os movimentos sociais num jantar na Granja do Torto.
É bom que os nossos governantes saibam que são funcionários públicos à serviço da população brasileira e que zelar pelo bem estar dos cidadãos deve ser sempre, a despeito de qualquer outra situação, a sua prioridade máxima.

Para ajudar as pessoas atingidas pela tragédia, a Defesa Civil catarinense (leia aqui) abriu duas contas bancárias:
- Banco do Brasil – agência 3582-3 – conta corrente 80.000-7
- Besc – agência 068-0, conta corrente 80.000-0
Os interessados podem contribuir com qualquer quantia.

Seja o primeiro a comentar!

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Selos

Os mais comentados

Widget UsuárioCompulsivo

Top Comentaristas

Widget UsuárioCompulsivo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©PAPOeCIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo